Tarte de dióspiro em copo

Ingredientes:
Recheio
– 150 g de açúcar
– 35 ml de água
– 1 pau de canela
– 320 g de polpa de dióspiro (3 dióspiros)
– 3 folhas de gelatina
Base
– 150 g de bolachas speculoos
– 35 g de manteiga derretida
Cobertura
– 2 claras
– 1 pitada pequena de sal
– 15 ml de água
– 1 colher de chá de sumo de limão
Modo de Preparação:
Comece por preparar a compota para que arrefeça bem antes de usar. Arranje os dióspiros aproveitando a polpa da fruta, desperdiçando a casca e o meio do dióspiro. Tente retirar todas as partes brancas do fruto. Reserve.
Leve o açucar ao lume com a água e o pau de canela, em lume médio até atingir os 115º, ou seja o ponto de estrada.
Se não tiver termómetro, o açucar está no ponto quando passar uma colher pelo fundo do tacho e esta abrir uma estrada. Demora cerca 8 minutos.
Hidrate as folhas de gelatina.
Assim que atingir o ponto de estrada, retire o tacho do lume, tire o pau de canela e junte a polpa de dióspiro.
Mexa bem para que fique bem misturado, leve de novo ao lume, mexendo sempre e retire do lume assim que a misture começar a borbulhar. Coloque o fundo da panela numa superfície fria ou mesmo dentro de água gelada para cancelar a cozedura. Esprema a gelatina e junte-a à compota. Mexa bem para que se derreta, passe a compota por um passador de rede e deixe arrefecer completamente.
Triture as bolachas grosseiramente, derreta a manteiga e misture bem para fazer a base.
Distribua a base pelas taças. Pressione a bolacha, por exemplo com o fundo de um copo. Guarde no frigorífico até usar.
Depois da compota estar fria, distribua-a pelos copos e leve ao frigorífico umas horas para que solidifique. Depois da compota solidificada prepare o merengue italiano ou cobertura de marshmallow, como também é conhecida.
Deite o açucar numa panela, junte a água e misture-os e leve ao lume médio, até atingir 114 º, (ou se não tiver termómetro até começar a fazer borbulhas). Assim que coloca o açucar ao lume, comece a bater as claras com o sal em neve em velocidade média. Depois da calda de açucar estar feita junte-a em fio às claras e continue a bater sem parar, agora em velocidade alta. Bata até o merengue arrefecer completamente, formar picos e ter um aspeto brilhante acetinado. Junte o sumo de limão e continue a bater mais uns segundos.
Coloque o merengue num saco de pasteleiro, ou com uma colher e acabar de encher os copos com o merengue.
Reserve no frigorífico.
Uns minutos antes de servir, doure o merengue com um maçarico alimentar e sirva de imediato.
Receita enviada por:
Manuela Cardoso, Caldas da Rainha
Blog: http://coisasimplesaoreceita.blogspot.pt/