A Sovina foi a primeira cerveja artesanal portuguesa, criada na cidade do Porto em 2011. Em apenas seis anos já se afirmou como uma das principais cervejas artesanais do nosso país, com uma produção mensal de 10 mil litros de seis tipos de cerveja: Amber, Helles, India Pale Ale, Stout, Trigo e Bock.

Alberto Abreu é o homem por detrás da Sovina. Antes da criação desta marca, a sua paixão pelas cervejas artesanais era tão intensa que obrigava a família a fazer viagens temáticas à Alemanha e a trocar idas a museus por visitas a cervejarias. Foi com base nesta paixão e, “acreditando que era possível criar uma cerveja artesanal num país vinhateiro e numa cidade cujo ex-libris é o vinho do Porto”, que em 2009 Alberto Abreu começou a criar a ideia da Sovina. A oportunidade surgiu quando um amigo produtor decidiu vender o seu material e à paixão de Alberto juntouse Arménio Martins, atualmente mestre cervejeiro. Depois de três anos de experiências, em setembro de 2011, o mercado nacional conheceu a Sovina, a primeira cerveja artesanal produzida em Portugal.

A partir de métodos artesanais e elaborada unicamente com água, malte, lúpulo e levedura, sem corantes nem conservantes e com carbonatação natural produzida pela levedura, a Sovina está atualmente disponível em seis tipos: Amber, Helles, India Pale Ale, Stout, Trigo e Bock, sendo que sazonalmente são produzidas edições limitadas, uma de Natal (a Baltic Porter), e a Sovina Amber Vintage, uma cerveja do tipo Amber que estagiou em pipos de vinho do Porto, sendo uma homenagem à cultura vinhateira. Em colaboração com a Saboaria e Perfumaria Confiança, a marca portuense crioutambém uma linha de sabonetes de cerveja, que inclui um hidratante com a cerveja Amber e aroma a mel e um esfoliante com a cerveja India Pale Ale com aroma a menta.

Com uma produção mensal de 10 mil litros por mês, a curto e médio prazo a marca prevê o aumento da capacidade de produção, de forma a poder “satisfazer a procura do mercado nacional”, explica. No entanto, uma das apostas é a exploração dos mercados internacionais.