Apesar de, desde o início da sua produção em 1824, a Vista Alegre ter colecionado os melhores exemplares, o primeiro museu organizado surgiu em 1947 e foi instalado no palácio, junto da Capela da Vista Alegre. A mudança para os edifícios antigos da fábrica, em 1964, permitiu a ampliação do espaço, alojando um vasto espólio de peças de porcelana, documentos e desenhos.

Entre 2014 e 2016, o Museu Vista Alegre sofreu obras de requalificação que incluíram a recuperação do património edificado e a ampliação dos espaços expositivos, destacando-se a integração de dois antigos fornos da empresa nas áreas de receção do museu. Com este novo espaço pretende-se dar a conhecer a história da fábrica, com 193 anos, a evolução estética da produção de porcelana e a sua importância na sociedade nos séculos XIX e XX através de um espólio que inclui mais de 30 mil peças.

Na oficina da pintura manual da fábrica, o visitante pode ver a delicadeza do trabalho de pintura manual da fábrica. O museu dispõe ainda de um serviço educativo onde se desenvolvem atividades de pintura e modelação para os visitantes. Na visita tem-se ainda acesso à Capela da Nossa Senhora da Penha de França, mandada edificar em finais do século XVII e que é Monumento Nacional desde 1910 pelas pinturas, azulejos e pelo túmulo do Bispo D. Manuel de Moura Manuel.

Nota: O Museu Vista Alegre é uma das entidades onde pode usufruir de 10% de desconto se for nosso assinante.