Em Lagos pode embarcar numa incrível viagem pela Época dos Descobrimentos com a companhia do Infante D. Henrique, de D. Manuel I, de Gil Eanes, Cristóvão Colombo e até Luiz Vaz de Camões. Através de 22 figuras em cera e 16 cenários reais é possível viver uma experiência didática e divertida por diferentes episódios que fazem parte da história de Portugal.

Inaugurado a 27 de outubro de 2014 na Marina de Lagos, o Museu de Cera dos Descobrimentos surgiu como uma forte aposta no turismo cultural da região, permitindo a diversificação da oferta e o combate à sazonalidade. Com 16 cenários diferentes, este é um verdadeiro espetáculo temático que permite aos visitantes o contacto direto com importantes personalidades históricas portuguesas que ultrapassaram as fronteiras e levaram o nome de Portugal aos quatro cantos do mundo. De reis a rainhas, passando por navegadores, cavaleiros, piratas e outras figuras, devidamente trajados à época e cujo realismo chega a impressionar, há 22 personagens em cera que encaminham os visitantes numa viagem à História dos Descobrimentos.

O Museu de Cera dos Descobrimentos tem 230 metros quadrados e está aberto durante todo o ano, sendo o local ideal para visitantes de todas as idades que passam pelo Algarve. O interior do museu, com 16 cenas históricas, retrata episódios como a Batalha de Aljubarrota em 1385, o Casamento de D. João I e Filipa de Lencastre (Tratado de Windsor) em 1387, a Conquista de Ceuta em 1415, a Conquista de Tânger em 1471, a Passagem do Cabo da Boa Esperança em 1488, a Chegada de Vasco da Gama à Índia em 1498, o Descobrimento do Brasil em 1500 por Pedro Álvares Cabral e o Desaparecimento de D. Sebastião em 1578 na Batalha de Alcácer-Quibir. Além de retratar episódios específicos da história, existem cenas que revelam a vida a bordo das navegações, a pirataria e a escravatura. Em cada uma destas cenas os visitantes ficam frente a frente com personagens históricos portugueses em cera que primam pelo realismo e que foram desenvolvidos pelo escultor português Jorge Gameiro. As figuras são em tamanho real e estão vestidas a rigor. Pode encontrar piratas, navegadores como Bartolomeu Dias, Gil Eanes ou Pedro Álvares Cabral, e reis como D. Manuel I e D. Sebastião.

Leia a reportagem na íntegra na compra da edição 11.