Gastronomia de Cabeceiras de Basto promovida em jantar Premium

Os pratos mais populares da gastronomia de Cabeceiras de Basto foram as estrelas de um jantar Premium organizado pela Câmara Municipal em parceria com a Academia das Emoções. O Restaurante Caneiro foi o anfitrião da noite, que contou com a presença de nomes ligados à gastronomia, património e culinária.

Com vista sobre o rio Peio, uma decoração acolhedora e uma rica coleção vínica, o Restaurante Caneiro, em Arco de Baúlhe, recebeu os cerca de 50 convidados do jantar Premium com uma seleção de vinhos verdes e tintos , espumantes e apresentou os seus principais pratos. Numa refeição que começou com o Polvo Assado no Forno com arroz do mesmo e terminou com o típico Cozido à Portuguesa, houve ainda espaço para as Batatinhas da Escola, fritas às rodelas em azeite, enriquecidas com uma cebolada, nacos de chouriço e presunto e complementadas com rosados nacos de vitela barrosã grelhados. No final da refeição houve ainda lugar para provar o pecado da avó, uma sobremesa que combina o doce de ovos, a amêndoa e a massa de crepe, que é o ex-libris da doçaria d’ O Caneiro. O repasto terminou com café, acompanhado com licores da Casa de Encosturas, um produtor local premiado internacionalmente, e algumas infusões da Arboreto, um herbário biológico local.

O evento contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Francisco Alves, com a presidente da União de Freguesias de Arco de Baúlhe e Vila Nune, Carla Lousada, e com dezenas de convidados, entre eles o historiador Joel Cleto, Manuel Serrão, Lígia Santos, a primeira masterchef portuguesa, Rui Martins, Chef cozinheiro do ano 2015, o presidente da Associação de Profissionais de Turismo de Portugal, Agostinho Peixoto, e o presidente da direção da AGAVI, António de Souza-Cardoso. 

Terra de sabores e saberes, Cabeceiras de Basto é um concelho minhoto que se identifica por uma gastronomia rica, tradicional, que fica na memória de quem visita as Terras de Basto.